Eu sou do tipo inquieta e curiosa. Eu penso, logo escrevo. Aqui vocês irão encontrar pelo menos um terço dos meus pensamentos diários. Não me limito a apenas imaginar, eu coloco no papel e eternizo histórias, pra serem lembradas o tempo todo.

domingo, 22 de junho de 2014

Não vou dizer que foi ruim!



E ela prometeu a si mesma jamais ouvir aquilo novamente e viver um dia após o outro e melhor, como se fosse o último...

Depois de tantas humilhações, passar dias e noites sozinha, noites mal dormidas pensando em como faria pra mudar aquela situação e dias mal aproveitados, pensando em como fazer pra ele voltar a ser como era antes, ela decidiu ser mais ela e só. Sabe ser completa sozinha, sem precisar de nada e ninguém? 
É, com certeza foi uma escolha dura e difícil, difícil demais pra qualquer um chegar e questionar o por quê dela estar tão fria neste momento. Ela não aceita mais, ela não aceita mais nada. Nada a fará mudar de idéia, nem a proposta romântica que ela tanto sonhou em tanto tempo. Porque isso foi há tempos atrás e esse tempo não volta mais, não pra ela.
Uma decisão que não foi de uma hora pra outra, da noite pro dia, da água pro vinho. Foi de dias, meses, talvez anos. E enquanto ele estava pensando em qual seria a melhor maneira de fazer algo com os amigos sem incluí-la, ela pensava em como fazer algo com ele sem incluir terceiros. 
Por isso e muito mais, hoje ela pensa em qual será o programa da noite. Um filme romântico, com chocolate e vinho, com a companhia dela mesma, por que não? Agora ela entende que pra ser feliz precisa apenas da própria companhia por inteira, sem infelicidades e incertezas. 
Foi preciso passar por tudo isso pra compreender que o muito às vezes é pouco, ou quase nada. Um simples momento vivido com toda a felicidade, é pouco pro tamanho da vida que hoje ela leva.
Não aceita que a julguem pelo simples fato de que ser ela mesma, já é de fato um julgamento próprio que teve que fazer pra chegar onde está.


 

4 comentários:

  1. Foi vc q escreveu Dani ? Muito lindo viu...

    Beijo :)

    | O Blog Que Não é Blog |

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Anna, sim! Eu mesma que escrevi, tudo que posto aqui é de minha autoria, é o que eu mais gosto de fazer :) Muito obrigada pela apoio, vou dar uma olhada no teu também!! Não deixa de acompanhar... beijoos

      Excluir
  2. wow... Muito bom texto. As pessoas, principalmente as mulheres tem que se valorizar mais, passar a pensar mais nelas mesmas na felicidade delas. E se sentir bem mesmo como ela própria como companhia já é um grande começo. http://pequeenaflor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade!! Muito obrigada pelo apoio, não deixe de acompanhar!! Beijoos

      Excluir